Que Nome Darei ao Meu Filho?

R$9,45

1 em estoque

Categoria

Descrição

Título: Que Nome Darei ao Meu Filho?
Autores: Pandiá e Ana Pándu
Editora: Ediouro (Rio de Janeiro)
Estante: Dicionários
Ano: 2005
Edição: 42ª ed.
Dimensões: 21 cm x 14 cm x 2 cm
Encadernação: Brochura.
Orelhas: Não. Originalmente sem orelhas.
Idioma: Português
ISBN: 85-00-28029-8
Páginas: 290 p.
Peso: 348 (gr)
Estado: Usado, seminovo.
Estoque: 1
Cadastrado em: 29.06.2017

Mais detalhes: Livro usado, seminovo, sem manchas, sem amarelados, laterais claras. Sem dedicatórias, sem nomes manuscritos, sem riscos, sem sublinhados, sem carimbos, sem marcas de fita, sem furos, sem rasgos, sem marcas de umidade. Na ponta direita superior da capa, há um ponto mínimo e ligeiro amassado; também na ponta direita superior, duas folhas (páginas 104 e 105) estão com um enrugado, aparentemente, falha na gráfica: coisa pequena, completamente distante do texto e que em nada prejudica o conforto da leitura. // Contém sete mil nomes, sendo mais de cinco mil sugeridos para uso. Em 2005, 42ª segunda edição, dado que indica o sucesso da obra. Divide-se em três partes. Na primeira, temos curiosidades, como uma coletânea de nomes exóticos devidamente aceitos e registrados em cartório, como o já famoso “Um Dois Três de Oliveira Quatro”, entre outros completamente bizarros. Há também informações de cunho jurídico a respeito do registro de nomes. Também, capítulos introdutórios falando nos nomes de origem nobiliárquica (o que poderá ser útil a historiadores) e mais uma nomenclatura de nomes de origem indígena. Tudo isso, e mais alguns tópicos complementares, aqui não citados, vão até a página 48. Da p. 49 até a p. 114, tem-se uma descrição das características e potencialidades astrológicas das crianças de cada um dos 12 signos do zodíaco. Por fim, da p. 115 à 290, mais de cinco mil nomes enfileirados em ordem alfabética e separados pela letra inicial, como verbetes de um dicionário. Nessa parte, de maneira clara e sucinta, os autores descrevem a origem etimológica e significado de cada um deles. Obra considerada das mais completas em seu gênero. Útil também a quem precise dar nomes a personagens. Exemplo de verbete: “IRACEMA – anagrama de América. Este nome não tem nenhuma origem no tupi, como muitos pensam. Foi criado por José de Alencar.” (Ricardo Alfaya)

Frete: O envio será feito com seguro de remessa. Para saber o valor do frete, clique em “adicionar ao carrinho”, junto à imagem do produto, e, logo após, em “ver carrinho”.  Na página que abrirá, acione “calcular entrega” e siga as instruções.  As formas de remessa com seus respectivos valores aparecerão.  Importante: pode-se realizar essa operação apenas para consulta.

Informação adicional

Peso 348 g
Dimensões 21 x 14 x 2 cm
Autor

Pandiá e Ana Pându

Idioma

Português

Estado do produto

Usado

Tipo de encardenação

Brochura

Editora

Ediouro (Rio de Janeiro)

Ano

2005

Páginas

290

ISBN

8500280298

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Que Nome Darei ao Meu Filho?”