O Velho e o Mar

R$11,50

1 em estoque

Descrição

Título: O Velho e o Mar
Autor: Ernest Hemingway (1899-1961)
Estante: Literatura Estrangeira
Editora: Civilização Brasileira (Rio de Janeiro)
Edição: 22 ed.
Ano da edição: 1982
Dimensões: 21 cm x 14 cm x 1 cm
Encadernação: Brochura
Orelhas: Sim. Nas duas, comentário crítico sobre a obra por Ênio da Silveira (1925-1996), então à frente da Civilização Brasileira
Idioma: Português
Tradução: Fernando de Castro Ferro
Desenho da capa: Dounê
Ilustrações do miolo: Belíssimas ilustrações a nanquim, de C. F. Tunnicliffe e Raymond Sheppard, reproduzidas da edição inglesa.
Páginas: 132 p.
Peso: 274 g.
ISBN: Não informado.
Estoque: um exemplar
Estado do volume: Usado, muito bom (único dono).
Cadastrado em: 03.01.2018

 Mais detalhes: Livro usado, em muito bom estado (único dono).  Páginas e laterais apresentam leve amarelamento uniforme. Pouquíssimos e esparsos pontos de oxidação.  Capa íntegra, bem presa. Sem dedicatória, sem nomes escritos, sem sublinhados, sem riscos, sem furos, sem marca de umidade. // Texto da quarta capa, de Ênio da Silveira: “Best-seller em todo o mundo e também no Brasil, ‘O Velho e o Mar’ conta a história de um velho pescador que, depois de 84 dias sem apanhar um só peixe, acaba fisgando um de tamanho descomunal, que lhe oferece inusitada resistência e contra cuja força tem de opor a de seus braços, do seu corpo, e, mais do que tudo, de seu espírito. Um homem só no mar alto, com seus sonhos e pensamentos, suas fundas tristezas e ingênuas alegrias, amando, com certa ternura, o peixe com que trava ingente luta (…)”.  Li esse livro de uma vez só, quando adolescente. Devorei-o em poucas horas.  Sem dúvida, uma excelente história para jovens, por toda aventura desenvolvida e pelo forte simbolismo dos dois personagens centrais (o velho pescador e o peixe), e pela participação marcante de um jovem pescador.  Sem dúvida, podemos ver a obra, conforme sugere a editora, como uma “profunda mensagem de fé no homem”.  Porém há um elemento a mais. O final surpreendente, contém um quê de ironia e desencanto.  Quem realmente venceu o incrível embate?  O homem ou natureza?  Há mais de uma maneira de refletir sobre o fato, e quem percebe o enigma implícito no desenlace, terá realmente ido mais ao fundo desse fantástico mar criado, em 1952, pelo norte-americano Ernest Hemingway (1899-1961).  O livro “O Velho e o Mar”, em 1982, atingia entre nós a 22ª edição, sendo a obra mais divulgada de Hemingway no Brasil. (Ricardo Alfaya)

Frete: O envio será feito com seguro de remessa. Para saber o valor do frete, clique em “adicionar ao carrinho”, junto à imagem do produto, e, logo após, em “ver carrinho”.  Na página que abrirá, acione “calcular entrega” e siga as instruções.  As formas de remessa com seus respectivos valores aparecerão.  Importante: pode-se realizar essa operação apenas para consulta.

Informação adicional

Peso 274 g
Dimensões 21 x 14 x 1 cm
Autor

Ernest Hemingway

Idioma

Português

Estado do produto

Usado

Tipo de encardenação

Brochura

Editora

Civilização Brasileira (Rio de Janeiro)

Ano

1982

Páginas

204

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “O Velho e o Mar”